terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Ser mulher

Ser mulher não é ter nas formas de escultura,
no traço do perfil, no corpo fascinante,
a beleza, que, um dia, o tempo transfigura
e um olhar deslumbrado atrai a cada instante...

Ser mulher não é só ter a graça empolgante,
o feitiço absorvente, a lascívia e a ternura;
ser mulher não é ter na carne provocante
a volúpia infernal que arrasta e desfigura...

Ser mulher é ter n'alma essa imortal beleza
de quem sabe pensar com toda a sutileza
e no próprio ideal rara virtude alcança...

É ter, simples e pura, os sentimentos francos
e, ainda, no fulgor dos seus cabelos brancos,
sonhar como mulher, sentir como criança!

9 comentários:

  1. Gostei do blog e do poema tbm Manu, a menina dos olhos de Deus, haha

    ResponderExcluir
  2. Achei seu blog mt interessant e estou seguindo-o!

    qnd tiver um tempinho, de uma passadinha no meu?


    bjooos

    http://cabecafeminina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Eu vim apenas lhe convidar, a seguirmos, pelos blogues.
    Visite-nos
    Estou a te esperar lá
    Felicidades, sempre.
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Estou seguindo o seu blogue. Para que eu possa ler e admirar. Tenha um domingo agradável.
    Grato, por estarmos na blogsfera

    ResponderExcluir
  5. Lindo!!!
    Tem a ver com meu ultimo post
    http://olhardepsicologa.blogspot.com/
    Abraços,

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, Manu.

    Que lindo!!

    Feliz feriadão.

    Maria Auxiliadora (Amapola)

    ResponderExcluir
  7. Olá...adorei conhecer seu blog!
    Textos maravilhosos,belíssimas poesias.
    Parabens
    Abraço carinhoso
    vera portella

    ResponderExcluir